Loading...

domingo, 16 de março de 2014

Encontrando Gandhi - (Atualizado)

Quero compartilhar com vocês uma experiência especial que aconteceu comigo.
Ela começou na mais tenra infância e começou a se desenrolar agora, bem recentemente.
Uma experiência que despertou em mim uma ligação e um interesse pela Índia.

Como disse, apesar desta história ter começado para mim bem cedo, só começou a fazer sentido agora, há bem pouco tempo!
Quando era criança, minha mãe me contava o que ela sabia de um país distante, místerioso e místico: a Ìndia!

Na verdade, após ouvir tantas histórias sobre aquele país, eu pensava que iria em algum momento da minha vida me encontrar com àquela cultura, com sua filosofia de vida, com sua espiritualidade e aquilo iria fazer muito sentido para mim, que fecharia um ciclo da história iniciada lá atrás na minha infância, com minha mãe falando daquele país e daquela cultura.


Mas a verdade é que ela não falava tanto assim da Índia.
Falava sim de um filho ilustre daquele país!
Meu avô materno o amava profundamente e tinha por ele um tremendo respeito.
Como se fosse um líder espiritual mesmo!
Eu não conheci em vida meu avô, mas desde pequeno ouvia histórias sobre como meu avô (que professava ser "ateu fervoroso" na sabedoria rústica dele!) amava de paixão essa personagem que vou apresentar agora: Mohandas Karamchand Gandhi (em hindi: मोहनदास करमचन्‍द गान्‍धी; nascido em Porbandar, Índia a 2 de outubro de 1869 — Faleceu em Nova Déli, a 30 de janeiro de 1948).


Mais conhecido popularmente por Mahatma Gandhi (do sânscrito "Mahatma"que significa "A Grande Alma") foi o idealizador e fundador do moderno Estado Indiano e o maior defensor do Satyagraha (princípio da não-agressão, forma não-violenta de protesto) como um meio de revolução.
O princípio do Satyagraha, frequentemente traduzido como "O Caminho da Verdade" ou "A Busca da Verdade", também inspirou gerações de ativistas democráticos e anti-racismo, incluindo Martin Luther King e Nelson Mandela. 
Freqüentemente Gandhi afirmava a simplicidade de seus valores, derivados da crença tradicional hindu: verdade (satya) e não-violência (ahimsa).


Após contar como tive contato com Gandhi na infância, deixo claro que fiquei adolescente e me desliguei do assunto.
Cresci, fiquei adulto e nem mais me lembrava das histórias do amor de meu avô por Mahatma Gandhi.
Até o filme no cinema não assisti, acreditem!
Mas algo especial aconteceu que fez essa ligação reacender, se fortificar em mim de uma forma impressionante!
De repente, (isso no ano de 2012) fico sabendo que a Peça/Monólogo Gandhi - Um Líder Servidor estava sendo encenada.


Ao saber dessa notícia, algo no meu coração dizia com muita força para eu assistir a peça!
Algo em mim determinava que eu fosse ver a peça!
Você pode chamar de voz interior, de alma, de coração, de Deus interior (na verdade, é tudo a mesma coisa com nomes diferentes, aspectos diferentes e formas de ver diferentes, mas é a mesma expressão, a mesma ligação do "Eu" profundo com o "Sagrado") e essa voz me dizia para assistir a peça! 
É claro que fui!



Antes de começar fui ao auditório (de onde tirei essa foto com o painel atrás) e me senti emocionado de ver o palco. Algo já mexia comigo.
Algo naquela simplicidade complexa tocava meu coração de uma forma que não sabia exprimir!



No dia, além de assistir a peça eu teria a honra de registrar o evento fotograficamente, então saí do salão para aguardar o início da peça, pois o público já estava se acomodando.
Do lado de fora, no jardim, para minha surpresa, me deparei com o ator João Signorelli (que interpreta o Gandhi na peça) concentrado, aguardando o produtor dar a deixa para que ele entrasse em cena.

Ele já estava obviamente vestido como Gandhi, mas não foi exatamente isso que mexeu comigo. Pude perceber uma energia que emanava do ator, do João; isso sim foi uma coisa incrível!

Ele andava como Gandhi e uma energia de intenso amor fraternal fluía dele! Dava para perceber que não era só uma preparação profissional intensa! Ele realmente tinha encarnado Gandhi!

Fiquei fascinado! Ao passo que tirava fotografias para o evento, tive oportunidade de me sentar à frente e assistir a peça. Assistir, não! Sorver, absorver cada gesto, cada palavra que Gandhi, quero dizer, João Signorelli dizia no seu monólogo!

Que aliás, segundo próprio João, cerca de 80% do que é dito na peça são palavras do próprio Mahatma Gandhi. E fui me envolvendo por aquela interpretação doce mas ao mesmo tempo forte e contundente!
As palavras cheias de amor e porque não razão e sabedoria de Mahatma Gandhi me invadiam como um tsunami.
Me fazendo refletir e transformar uma série de conceitos em minha vida.

E querer conhecer mais e mais ainda sobre Gandhi, sobre sua filosofia, sobre sua vida e obra! Foi sem dúvida um dia especial e inesquecível!
Que tocou meu coração e minha alma!
Após essa belíssima apresentação em vários níveis tive a grata oportunidade de conversar com o Diretor e também responsável pela Produção. Uma pessoa agradável e acessível!
Também conversei com o ator João Signorelli e o parabenizei pela peça, quase em êxtase!


Depois disso comprei livros sobre Gandhi e comprei o filme em DVD.
Sempre que posso assisto documentários sobre a vida e obra de Mahatma Gandhi!
Assisti a peça mais vezes (e vou mais e mais vezes com certeza!)
Levei meus pais e uma parte da família que adoraram!
Vieram do interior para assistir a peça e amaram!


Obrigado João Signorelli pelo carinho com que desempenham essa missão e depois com a simplicidade e nobreza que nos recebem após o espetáculo!


Essa foi minha experiência de "Encontro com Gandhi" que eu queria dividir com todos, pois realmente foi muito especial.
E ela ainda não terminou, continua...
...porque sua mensagem é atual, é perene, e necessária...ainda!
E porque a peça ainda estará em cartaz até o final do ano!

Então convido a todos a assistirem a peça Gandhi, Um Líder Servidor com João Signoreli no Teatro Ruth Escobar - Sala Míriam Muniz, localizado na Rua dos Ingleses, 209 - Bela Vista - Telefone: 3289- 2358, em São Paulo/SP.


À princípio, o calendário da peça é este (sempre aos domingos às 17:45 horas) durante os meses de Março, Abril e Maio


Para maiores informações sobre esse lindo trabalho, é só entrar em contato pelos telefones: (11)3283-1341/(11)9816-0504
Ou pelo e-mail: joaosignorelli@click21.com.br
Site: do Teatro Ruth Escobar é:
http://www.teatroempresas.com.br


Parabéns João Signorelli  por abraçar essa missão de levar a palavra e o legado de Mahatma Gandhi para tantas pessoas, pois tenho certeza que assim como eu, muitas estão sendo tocadas e transformadas pelo poder do amor, da não-violência e da conduta única!
E obrigado pelo carinho de sempre!
Que todos os Budas os iluminem e os protejam!
Namastê!

Mauricio Franchi


3 comentários:

  1. Boa tarde!

    Lindo, maravilhoso e tocante!
    Obrigada por compartilhar conosco essa conexão espiritual do seu Eu, juntamente com o clima e o ambiente de Gandhi, um líder servidor .
    Sem dúvida um dos chamados do nosso Universo interior.
    Gandhi, um homem que não precisou usar violência e humilhar ninguém para defender os seus ideais, e por causa deles foi assassinado.
    O seu legado continua vivo e forte!
    Infelizmente, a Paz incomoda muitas pessoas.
    Parabéns ao maravilhoso João Signorelli porque somente pessoas sensíveis conseguem transmitir em palavras e gestos a essência e a luminosidade de um grande homem.

    Parabéns, mais um texto incrível e de coração!

    Abraços! : )

    ResponderExcluir
  2. Namastê!
    Querido amigo, agradeço por compartilhar sua amorosa emoção. Grande sensibilidade... e, agora eu também desejo assistir a peça. Parabéns à direção, equipes e ao ator João Signorelli.
    Bençãos e Paz!
    Mônica Braz

    ResponderExcluir